sexta-feira, 15 de julho de 2011

Atividades de História Medieval - Cruzadas

Questões de Vestibular: História - Medieval - Cruzadas

Questão 1: (UFBA) A partir da análise das ilustrações e dos conhecimentos sobre diversidade cultural, pode-se afirmar.
1 - A leitura e a interpretação muçulmana do episódio das Cruzadas, contradizendo a interpretação cristã, comprova a influência da diversidade cultural na compreensão dos fatos históricos.
2 - O fenômeno das Cruzadas constitui um exemplo, entre muitos outros, do choque cultural entre cristãos e muçulmanos na região do Oriente Médio, influindo no contexto político-econômico das regiões circunvizinhas.
4 - O caráter individual e subjetivo das crenças religiosas impede que a religião seja tomada como motivo para a explosão da intolerância cultural entre grupos ou povos.
8 - A parte ocidental do Oriente Médio, região na qual a luta das Cruzadas foi mais intensa, compreende, atualmente, a Turquia, a Síria, o Líbano, a Jordânia, o Estado de Israel e os territórios palestinos, estrategicamente localizados em pontos importantes do comércio internacional, especialmente o do petróleo, que concentra diversos focos de tensões geopolíticas, étnicas e culturais.
16 - As relações de negociação estabelecidas entre o catolicismo e o protestantismo, na Irlanda, evitaram o confronto entre republicanos (irlandeses) e monarquistas (ingleses), no período pós-Segunda Guerra Mundial.
32 - Diversas comunidades indígenas brasileiras, apesar de quase dizimadas, buscam, na atualidade, preservar suas culturas, baseadas na consciência de sua continuidade histórica, e na identidade comum existente entre as várias comunidades, apesar de suas diferenças particulares.
SOMATÓRIA ( )

Questão 2: (UNIFOR/CE) Leia atentamente o trecho a seguir: Deixai os que outrora estavam acostumados a se baterem, impiedosamente, contra os fiéis, em guerras particulares, lutarem contra os infiéis (...) Deixai os que aqui foram ladrões, tornarem-se soldados. Deixai aqueles que outrora se bateram contra seus irmãos e parentes, lutarem agora contra os bárbaros, como devem. Deixai os que outrora foram mercenários, a baixos salários, receberem agora a recompensa eterna. (...) Papa Urbano II, em Clermont, França, em 1095. In Leo Huberman. História da riqueza do homem. Trad. São Paulo: Zahar, 1984. p. 28 O Papa Urbano II, no Concílio de Clermont, convocou os cristãos a retornarem à Terra Santa, ocupada pelos muçulmanos, dando origem:
A - às expedições militares motivadas exclusivamente pelo sentimento religioso de retomar as terras da cristandade aos infiéis;
B - ao movimento da cristandade em direção ao Oriente unicamente para estabelecer relações comerciais com os muçulmanos;
C - às expedições regiliosas da Igreja Bizantina para manter contato mais próximo com os muçulmanos, importantes para o controle da região;
D - às expedições cristãs empreendidas contra os muçulmanos, motivadas pelo fervor religioso, conquistas territoriais e interesses comerciais;
E - às expedições cristãs organizadas pela Igreja com o intuito de conquistar terras e fortuna para a nobreza do Império Bizantino.

Questão 3: (UFPE) Analise as afirmativas abaixo relacionadas com a existência das Cruzadas:
1) As Cruzadas eram expedições organizadas pelos senhores feudais, com a finalidade de reativar a vida nos feudos.
2) As Cruzadas, expedições marcadas por interesses religiosos e econômicos, contavam com a participação da Igreja Católica.
3) As Cruzadas não trouxeram contribuições para a economia no Ocidente, pois criaram conflitos inexpressivos e exarcebaram o fanatismo religioso.
4) A participação da população pobre nas Cruzadas foi significativa e aponta para um dos momentos de crise do sistema feudal.
5) Os lucros dos nobres nas Cruzadas contribuíram para revitalizar a economia feudal, com a adoção do trabalho assalariado.
Está(ão) correta(s):
A - 1, 2, 3, 4 e 5;
B - 2 e 4 apenas;
C - 5 apenas;
D - 2 e 3 apenas;
E - 1 apenas.

Questão 4: (UFC) “(...) Por volta do ano de 1010, começaram a circular rumores no Ocidente de que, sob a instigação dos judeus, os sarracenos tinham causado a destruição do Santo Sepulcro e decapitado o patriarca de Jerusalém (...) Então, na esteira da cruzada proclamada pelo Papa Urbano II no Concílio de Clermont em 1095, foi engendrada uma atmosfera de histeria religiosa...” RICHARDS, Jeffrey. Sexo, desvio e danação: as minorias na Idade Média. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1993. p. 97) A partir do texto e considerando os objetivos das Cruzadas, assinale a alternativa que corresponde à relação entre a Igreja Católica e os judeus na Idade Média:
A - Uma colaboração recíproca, pois os judeus eram considerados fiéis observadores da fé e dos ritos cristãos.
B - Uma ação conjunta em defesa da Terra Santa, uma vez que os judeus participaram como bravos combatentes nas Primeiras Cruzadas.
C - Uma aproximação entre judeus e cristãos em virtude da prática da usura, defendida arduamente pela Igreja medieval.
D - Uma grande hostilidade, pois a Igreja, no século XI, buscou cristianizar o mundo e muitas comunidades judaicas, sob a acusação de adoradores do Diabo, foram perseguidas e exterminadas.
E - Uma relação econômica, pois a Guerra Santa foi sistematicamente financiada por grupos judeus dispostos a contribuir com a expansão do cristianismo.

Questão 5: (UEMS) Poderosas causas econômicas e políticas interferiram nas expedições das Cruzadas que se destinaram ao Oriente, com a finalidade de libertar o
Santo Sepulcro. Os filhos não-primogênitos dos nobres viram, nas Cruzadas, as perspectivas de:
A - tornarem-se senhores no Ocidente, descrito num discurso feito pelo papa Urbano III em Clemont, como “uma terra mais que todas frutíferas como um novo paraíso de prazeres”;
B - tomar dos senhores no Oriente o papa Urbano II em Clivemont uma terra frutífera que é um paraíso de prazeres;
C - tornarem-se senhores no Ocidente, conforme o descrito num discurso feito pelo papa Urbano VI em Clemont, como “uma terra mais que todas frutíferas como um novo paraíso de prazeres”;'
D - tornarem-se senhores no Oriente, descrito num discurso feito pelo papa Urbano II em Clemont, como “uma terra mais que todas frutíferas como um novo paraíso de prazeres”;
E - tomar posse das terras descritas pelo papa Willians II em Clevimont, como “uma terra mais que todas frutífera como um novo paraíso de prazeres”.

Questão 6: (UFRGS) Considere os trechos a seguir, extraídos de documentos históricos redigidos, respectivamente, por um cristão e um muçulmano a respeito da Conquista de Jerusalém em 1099, no contexto da Primeira Cruzada.
Texto 1: "Na sexta-feira (15/07) de madrugada, organizamos um assalto geral à cidade sem poder tomá-la (...). Nesse momento, um dos nossos cavaleiros, chamado Lietaud, escalou as muralhas. Então, desde que ele subiu, todos os defensores fugiram dos muros para o meio da cidade, e os nossos os perseguiram, matando-os e golpeando-os, até o Templo de Salomão, onde houve uma tal carnificina que os nossos marcharam em seu sangue até os calcanhares." Gesta Francorum et Alforum Hierosolimitanorun. Paris: Librairie Ancienne Honoré Champion, 1924. p. 202.
Texto 2: "A população foi passada ao fio da espada e os francos massacraram os sarracenos da cidade durante uma semana. Na mesquita al-Aqsa (...), os francos massacraram mais de setenta mil pessoas, entre as quais uma grande multidão de imãs e de doutores sarracenos, devotos e ascetas que tinham deixado suas terras para viver vida piedosa retirados nesses lugares santos." IBN AL-ATHIR. In: GABRIELI, F. Chroniques arabes des croisades. Paris: Sindbad. a 1972, p. 62. A partir da leitura dos textos e do contexto histórico, é possível concluir que:
I. O ataque a Jerusalém foi contra os muçulmanos, uma vez que a cidade estava sob seu domínio;
II. A população que se encontrava na cidade, por ocasião do assalto, era composta de guerreiros;
III. A população que buscou abrigo em templos religiosos foi poupada da fúria dos invasores.
Quais estão corretas?
A - apenas I
B - Apenas II
C - Apenas III
D - Apenas II e III
E - I, II e III

Questão 7: (PUC-SP) As Cruzadas tiveram caráter:
A - exclusivamente religioso, buscando resgatar a Terra Santa das mãos dos árabes e expandir o catolicismo;
B - exclusivamente comercial, buscando novas terras para a agricultura e mercado para os produtos europeus;
C - religiosos e comercial, buscando conciliar a ação expansionista religiosa à abertura de novas rotas comerciais;
D - político e religioso, buscando ampliar o poder do papado e produzir uma fusão entre o catolicismo e o islamismo;
E - político e comercial, buscando expandir o absolutismo monárquico e abrir mercados para produtos do Vaticano.

Questão 8: (ULBRA/RS) No filme "O Incrível Exército de Brancaleone", é produzida uma imagem interessante e hilária da Idade Média européia, apresentando cenas das cruzadas, da peste negra e sobre a formação dos nobres. Partindo dos conhecimentos específicos de Idade Média, podemos destacar que:
I. as cruzadas tinham como argumento a libertação da terra santa, que estava em poder dos mouros, porém despertava interesses econômicos quanto à possibilidade de um desenvolvimento do comércio;
II. a peste negra dizimou quase 1/3 da população européia e teve origem, principalmente nos burgos, nos hábitos de higiene do homem medieval;
III. os nobres representavam um segmento dominante e construíram com os servos um conjunto de obrigações recíprocas.
Assinale a alternativa correta:
A - Apenas a proposição I está correta.
B - Apenas as proposições I e II estão corretas.
C - Apenas as proposições I e III estão corretas.
D - Apenas as proposições II e III estão corretas.
E - As proposições I, II e III estão corretas.

Questão 9: (UFPR) As Cruzadas medievais representavam a expressão de fatores diversos, característicos do período feudal. Julgue os itens:
1 - Instituição da cavalaria, mobilizada para a luta em defesa do cristianismo.
2 - Sistema de herança dos feudos, que conduzia os filhos mais jovens a procurarem outros bens.
4 - Más condições de vida do homem medieval, alta taxa de mortalidade e, conseqüentemente, pouco crescimento demográfico.
8 - Progresso e ressurgimento das cidades medievais em busca de áreas de influência e de novos mercados.
SOMATÓRIA ( )

Questão 10: (UFSC/SC)
Sobre o movimento das Cruzadas, durante a Idade Média, é correto afirmar que:
1 - foram expedições de cunho religioso e militar;
2 - tinham, entre seus objetivos, a reconquista da Terra Santa, em poder dos muçulmanos;
4 - propiciaram a reabertura e o restabelecimento das rotas comerciais entre o Ocidente e o Oriente;
8 - impediram a participação dos representantes da nobreza;
16 - fortaleceram o sistema feudal, enfraquecendo a burguesia.
SOMATÓRIA ( )

Questão 11: (UnB/DF) As Cruzadas tiveram conseqüências importantes, entre elas:
A - a centralização da administração e da justiça em mãos dos senhores feudais;
B - o êxito das expedições em defesa da Terra Santa;
C - o fortalecimento do domínio feudal na esfera econômica;
D - o restabelecimento das rotas comerciais territoriais e marítimas entre o Ocidente e Oriente;
E - decadência da burguesia que não retomou seus investimentos no movimento cruzadista.

Questão 12: Expedições militares que existiram no final da Idade Média e que pretendiam barrar o avanço muçulmano em direção ao Ocidente:
A - Renascimento Comercial e Urbano;
B - Cruzadas;
C - Revolução Agrícola;
D - Feiras medievais;
E - Confrarias.

GABARITO:
questão 1: 43 - questão 2: D - questão 3: B - questão 4: D - questão 5: D - questão 6: A - questão 7: C - questão 8: E - questão 9: 11 - questão 10: 7 - questão 11: D - questão 12: B

Nenhum comentário:

Postar um comentário